2000

Esta é a história comovente de um garoto de 10 anos chamado Migalha. Sua mãe pobre o deu para adoção logo após seu nascimento. Seu pai se mudou para os Estados Unidos para tentar a sorte. Junto com seu cachorro Moor, o pequeno Migalha leva uma vida aventureira nas ruas. Com seu humor, seu desejo pela vida e perseverança, ele é capaz de dobrar o mundo à sua vontade.

Kruimeltje

O filme é baseado no popular livro infantil holandês de Chris van Abkoude. Em um porto holandês em 1921, vive um menino órfão de 10 anos conhecido por todos simplesmente como Migalha (Ruud Feltkamp). Sua pobre mãe, Lize van Dien (Thekla Reuten), cheia de vergonha, foi forçada a entregá-lo à Sra. Koster (Sacha Bulthuis) logo depois que ele nasceu. Sua mãe adotiva, a Sra. Koster, que cuidou dele desde que era um bebê, também é muito pobre e incapaz de sustentá-lo sozinha. A Sra. Koster se mostra uma mulher cruel e autoritária, que exige que Migalha lhe traga dinheiro em troca de comida. Ele precisa tirar seu sustento das ruas e só pode ir para casa depois de conseguir dinheiro suficiente. Migalha se torna um garoto de rua, roubando lojas para se manter vivo, dormindo em igrejas ou nas entradas das casas. Às vezes, precisa fugir da polícia e com isso, acaba ganhando a inimizade da maioria dos adultos dali. Um cão abandonado se torna seu companheiro. Um dia, a Sra. Koster morre e em seu leito de morte, ela dá a Migalha um medalhão contendo as fotos de seus pais. A partir desse momento, o menino leva o medalhão aonde quer que vá. Wilkes (Hugo Haenen), conhece muito bem a gangue de rua e decide levar o garoto para morar com ele. Para a surpresa de Migalha, Wilkes começa a se afeiçoar por ele. Wilkes está trabalhando em um livro sobre as aventuras que teve com seu amigo de infância. Quando mostra ao menino uma fotografia deste amigo, o pequeno Migalha fica chocado ao ver que este jovem é o homem da fotografia em seu medalhão: seu pai. Ele descobre que o homem se chama Harry Volker e ele foi para a América como garimpeiro de ouro há cerca de dez anos para fazer fortuna. Migalha está feliz vivendo com Wilkes, mas sua alegria dura pouco quando o mercado de Wilkes é destruído em um incêndio. O menino fica mais uma vez sem um guardião e é mandado a um orfanato dirigido por um homem mesquinho. A vida lá está longe de ser um mar de rosas, mas pelo menos, o pequeno Migalha pode viver na esperança de que um dia seu pai volte para buscá-lo. Enquanto isso, Wilkes sai em busca de Harry Volkes e a mãe de Migalha muda seu nome para Vera di Borboni e se torna uma pianista famosa. Será que o futuro reserva algo melhor para ele do que uma vida nas ruas?

Data de lançamento:

2000