2018

Jacqueline matou o seu marido. O seu torturador está morto! A história da Jacqueline transforma-se no processo judicial mais importante dos últimos anos. Na prisão, ela é forçada a reviver o drama e o trauma. Jacqueline sente-se tão aterrorizada e indefesa que não consegue explicar a vida de vergonha que tem reprimido há 47 anos. Punida pelo seu silêncio, ela é condenada a 10 anos de prisão.

Jacqueline Sauvage: C'était lui ou moi

A 10 de setembro de 2012, numa segunda-feira, Jacqueline baleou o marido três vezes nas costas. O seu torturador morrera! A história de Jacqueline torna-se o processo judicial mais importante dos últimos anos. Enquanto aguarda, na prisão, o julgamento por assassinato, ela é forçada a reviver o drama e o trauma que ela e os seus filhos sofreram. Jacqueline sente-se tão aterrorizada e indefesa que nem consegue explicar a vida de vergonha que tem reprimido há 47 anos. Punida pelo seu silêncio, ela é condenada a 10 anos de prisão. Mas com o apoio inabalável das suas filhas e o trabalho de advogados dedicados que lutam com unhas e dentes por ela, Jacqueline consegue sair do silêncio e, pouco a pouco, consegue contar a história do seu inferno pessoal. Os meios de comunicação social suscitam controvérsia sobre a sua personalidade, à medida que os factos do seu caso nos conduzem por intermináveis reviravoltas, carregadas de emoções conflituosas. Será que ela é capaz de superar a sentença do tribunal e conquistar a opinião pública?

Data de lançamento:

2018