Decorrendo na Sicília, nos anos 40, Malèna é a história de um amor impossível contada através do olhar de Renato, um rapaz demasiado novo para a bela mulher que idolatra. Numa aldeia repleta de mexericos, a beleza torna-se um pecado a ser castigado e a inveja é cruel. Com música de Ennio Morricone, Malèna é uma história de intensa paixão e desejo com uma atuação inesquecível de Monica Bellucci.

Malèna

Na Sicília, nos anos 40, Renato, de treze anos, tem uma paixão obsessiva pela bela Malèna. O marido da jovem mulher partiu para a frente da guerra e sem um homem ao seu lado a sua beleza acende os desejos eróticos dos homens, o que se torna uma ameaça intolerável para as esposas do país. O jovem Renato espia-a, idolatra-a e sonha com ela, mas Malèna desconhece a vigilância constante que a acompanha enquanto se despe, se veste e dança a pensar no seu homem na guerra. O único efeito que sente dos olhares que recebe é o de inveja e hipocrisia, quando atravessa a praça. Quando Malèna acredita que ficou viúva e também está afastada do pai, sente que não tem outra escolha senão tirar proveito dos rumores e entregar-se aos homens para sobreviver. As suas desventuras chegam ao fim no final da guerra quando o seu marido, que está longe de estar morto, a encontra graças a Renato, o adolescente que se tornou um homem e que foi capaz de transformar os seus sentimentos em amor sublime e mudar o seu destino. Renato nunca esquecerá Malèna, enquanto Malèna opta por esquecer tudo, até mesmo o sofrimento que suportou. A paz é restaurada no final da guerra, mas a dor e o infortúnio não podem ser esquecidos.

Data de lançamento:

2000