Um olhar íntimo sobre Ricky Williams, vencedor do Troféu Heisman, um dos atletas mais fascinantes e uma das pessoas mais incompreendidas do futebol americano.

Run Ricky Run

Ricky Williams não condiz com a definição americana de atleta moderno. Em 2004, na iminência de rumores sobre mais um teste positivo de marijuana, o running back dos Miami Dolphins trocou a adulação e uma mansão no sul da Florida pelo anonimato e uma tenda de sete dólares por noite na Austrália. A decisão criou um frenesim nos média que arruinou a sua reputação e o rotulou como “o ganzado dos EUA”. Mas, enquanto a maioria dos média pensava que Williams arruinava a vida ao deixar o futebol americano, Ricky achou que a estava a salvar. Através de gravações pessoais com Williams durante o tempo em que esteve afastado do futebol americano e depois disso, o cineasta Sean Pamphilon apresenta uma abordagem nova sobre um jogador que se tornou um saco de boxe dos média e que, desde aí, se redimiu como pai e companheiro de equipa.

Data de lançamento:

2010