1990

O segundo capítulo da "trilogia da fuga" de Salvatores é uma comédia de uma viagem, onde a amizade entre dois homens é testada pelo seu amor pela mesma mulher. Dario e Federico são dois atores de teatro e amigos, mas Federico não sabe que a sua ex-namorada Vittoria se juntou a Dario. Ele descobre durante uma digressão pela Itália. Com Diego Abatantuono, Fabrizio Bentivoglio e Laura Morante.

Turné

Dario e Federico são dois atores de teatro e amigos desde a infância. Dario é barulhento e extrovertido, enquanto Federico é calado e atormentado pelo fim do seu caso amoroso com Vittoria, uma jovem locutora de rádio que o trocou por outro homem. O que ele não sabe é que o outro homem é o próprio Dario. Os dois amigos vão partir numa digressão de teatro que começa na Apúlia para encenar "O Jardim das Cerejeiras", de Chekhov. Dario, contra a sua vontade, promete a Vittoria que, durante a viagem, informará Federico sobre a relação deles, mas devido a uma série de circunstâncias ele não revela o segredo ao seu amigo. Federico descobre a verdade por acaso, numa noite, ao ouvir secretamente um telefonema de Dario para Vittoria. Os três confrontam-se e, durante uma discussão acalorada, Vittoria confessa que os ama a ambos. Será que a amizade de Dario e Federico sobreviverá? E Vittoria será capaz de escolher entre os dois homens? Salvatores ganhou um prémio David di Donatello por esta comédia.

Data de lançamento:

1990